Sejam bem vindos à Casa de Umbanda Pai Chico das Almas. Nós não nos consideramos um Terreiro de Umbanda e sim uma Casa Umbandista. Pai Chico, o preto velho mentor de nosso templo, quando me confiou essa missão me disse que não gostaria de ter um terreiro, pois gostaria de poder receber e ajudar as pessoas em sua casa e por isso Casa de Umbanda Pai Chico das Almas ou só Casa do Pai Chico. Pois é quando nos sentimos em casa que deixamos todas nossas mazelas de lado, é em casa que nos sentimos em segurança, acolhidos e amparados. Claro, a máxima não é para todos, pois sabemos que cada espírito tem o seu resgate dentro do lar que escolheu reencarnar, mas também existe na dor e no amor aprendizado para o crescimento e evolução. A despeito de sermos um terreiro, somos Umbandistas que temos em nossas práticas os princípios ensinados pelo Caboclo das Sete Encruzilhas: “a manifestação do espírito para a prática do amor e da caridade”.

Nossos fundamentos se alinham com a filosofia do Terreiro Vovó Benta e do Terreiro Pai Maneco e não fazemos nenhum tipo de trabalho contrário a lei do amor e que não esteja calcado na Lei de Umbanda então em nossa casa você não encontrará previsões do futuro, amarrações (de nenhum tipo) muito menos sacrifício animal para ritualística, mas respeitamos acima de tudo a ancestralidade e as religiões irmãs que fazem seu uso em seus fundamentos. Acreditamos que é curando ao próximo que podemos nos curar e que estamos em constante aprendizado.

Para saber quem somos não basta falar sobre é preciso vivenciar. Venha nos conhecer.

Mucuiu N´zambi ou Deus te abençoe.

Pai Thiago D’Ogum